2 de novembro de 2015

15 anos de Artesanía Bijuterias

Que delícia é fazer 15 anos! Todos que já passaram por essa data tão linda - acho que até mais desejada que os 18 anos - sabem o que sinto neste momento. No dia do aniversário do ateliê, acordei com uma retrospectiva na cabeça: como não lembrar do início, dos sonhos, das paixões que me moveram e como não me alegrar com tudo o que conquistei ao longo desses anos? Pra quem está chegando agora, acho que vale uma rápida historinha, que começa com a minha história e chega à construção do que Artesanía é hoje.
Feliz 15!
Desde criança faço arte em casa; minha mãe e irmã sempre me inspiraram, pois elas também faziam coisinhas: pintura em tecido, arte em papel, arranjos de flores, corte e costura, customização... minha casa sempre foi um celeiro de mãos produtoras de arte e artesanato. Aos 8 anos minha mãe me colocou em um curso de ponto cruz [uma das poucas coisas que não consegui aprender só] para agregar valor ao que já fazia. Bem, isso já começou um negócio: minha mãe vendia para as colegas de trabalho os panos de prato que eu e minha irmã produzíamos [minha irmã fazia panos de parto com pintura à mão livre]. O dinheiro do que fazia vinha para mim e aprendi a poupar para comprar material e multiplicar as técnicas de artesanato.
Começamos, minha irmã e eu, vendendo panos de prato pintados à mão e bordados em ponto cruz. Essa mostra pintada por minha irmã não foi da época, mas já dá pra ter uma ideia de como começamos com capricho. 
Durante o ensino fundamental e médio eu sempre personalizei  tudo: capa de caderno, material escolar, calça, sapato, até a blusa da escola tinha um toque pessoal, e tudo isso chamava atenção dos colegas. Continuei fazendo arte e veio a vontade de ter coisas só minhas. Foi aí que a paixão pelas bijuterias chegou.
Algumas das minhas produções. Peças que fiz para mim mesma buscando alimentar meu próprio estilo. Sempre gostei de personalizar peças.
Mais produções minhas. Algumas até ensino aqui no blog como a Saia Flor [aqui], a Saia  com Pedraria [aqui] ou o Colar com Etiqueta [aqui].
Fazia colares, pulseiras, brincos, acessórios, tudo personalizado para não se parecer com ninguém; queria chamar a atenção, ser identificada pelo meu estilo. Outros amigos queriam a mesma coisa e começaram a pedir que fizesse também peças para eles segundo à sua descrição. Surgiu o ateliê Dai & Dalys Art's, onde trabalhei juntamente com minha irmã. Nossa primeira peça? A Camisa Bonequinha, ideia dela, que pinta super bem.
Nossa primeira criação. De modo geral, eu era sempre a modelo das próprias peças.
Foi um sucesso! Logo percebemos que fazer camisas realizaria nosso sonho e de muitas pessoas  que querem ser únicas, exclusivas, deixar suas próprias marcas. Abrimos um perfil no Orkut e começamos a postar tudo o que fazíamos. Neste inventário predominavam camisas e conjuntos de colares com brincos feitos artesanalmente. Tínhamos peças prontas, mas a maioria de nossas produções eram feitas por encomendas, pedidos de pessoas que queriam ter um produto único.
Esse era um dos produtos do tempo do Orkut: um chaveiro porta pendrive.
Carteira de palha customizada por mim, mas não foi da época do Orkut. Na verdade, daquela época já não tenho mais registro algum. Uma pena! E na foto estava em Barra do Jacuípe [post aqui]
Com o tempo e com o avanço das tecnologias, mudamos. Hoje o nome é novo: Artesanía Bijuterias, inspiração que vem da língua espanhola ["artesanía" é "artesanato" em português] e bijuterias são pelas peças que produzo. As inspirações me levam sempre a lançar peças novas, como o colar Flower, o colar Cascata Negra, o colar Camélia e o colar Brisa, este último batizado por votação popular pelo Instagram [post aqui]. Tais peças são feitas sob encomenda.
Colar Flower [sup. esq.], Colar Cascata Negra [centro sup.], Colar Étnico [sup. dir], Colar Camélia [inf. esq.], Colar Brisa [inf. esq.].
Ao ateliê agreguei também as camisas pintadas à mão, que fazem o maior sucesso entre nossos amigos clientes. Ao longo desses anos, além da camisa Boneca, lancei a coleção Amo meu Curso e fiz várias camisas para meninas, meninos, gestantes e bebês.
Algumas das camisas feitas dentro da Coleção Amo meu Curso com minha amigas clientes lindas. A que eu visto foi a pioneira.
Algumas das camisas pintadas no ateliê. Quer ver mais? Dá um clique na nossa página no Facebook.
O trabalho ganhou mais visibilidade com as redes sociais: Facebook, Twitter, BloglovinInstagram, Google +, YouTube e Blog. Claro que a responsabilidade e a exigência por qualidade aumentou, mas só tenho a agradecer por tudo. Agora trabalhando sozinha [minha irmã segui seu caminho na Gastronomia], com a vida dupla [também sou professora de espanhol] e com uma série de coisas para dar conta na vida, levo no coração com muito carinho o ateliê Artesanía Bijuterias, que tem crescido graças aos meus amigos clientes que confiam em meu trabalho.
Hoje, só quero agradecer a Deus pelo dom e por ser autodidata e agradecer a tod@s que tem andado ao meu lado.