27 de dezembro de 2012

Boipeba, BA: ainda não é o fim...

Bom, depois de muitos boatos sobre o fim do mundo, chegamos ao Natal de 2012 e logo, logo o Ano Novo!! Ainda bem que o mundo não acabou. Se isso acontecesse, você com certeza não ia ter a oportunidade de conhecer Boipeba, Bahia.
Praia Boca da Barra.
Este paraíso é tão pertinho da capital Salvador e de Feira de Santana. Fica ao lado da Ilha de Cairu e também perto de Morro de São Paulo [a ilha atrás de Morro]. A ilha possui lindas e desertas praias de águas limpas, piscinas naturais e uma tranquilidade de dar inveja. Se você está procurando um lugar pra relaxar, Boipeba é lugar, principalmente, por que telefone celular não funciona em todos os lugares! O sinal só pega um pouquinho melhor na beira do rio, mas nem todos tem a mesma sorte. Por outro lado, a maioria das pousadas tem internet, permitindo que a nos conectemos com o mundo.
Conheci Boipeba por acaso: tive o privilégio de trabalhar no local e neste fim de ano, voltei pra aproveitar as delícias que me contaram enquanto trabalhava.
Praia da Cueira.
Logo conheci a vila Velha Boipeba e a Museu do Osso de Mr. Cabeludo. O senhor é uma figura e está disposto a contar histórias de como começou a coleção dos ossos de peixe e do povo do lugar. A estrutura do museu é muito simples, mas vale a pena conhecer e ter uma conversa gostosa com Cabeludo.
Museu do Osso em Boipeba. O lugar reúne ossos de várias tipos de peixe.
Acervo do Museu do Osso.
Além disso é possível comprar conchas, alguns ossos e lembrancinhas do lugar. A legislação ambiental brasileira não permite a venda de cascos de tartaruga, ossos de baleia, golfinho ou peixes protegidos por lei e Ms. Cabeludo segue à risca a recomendação do IBAMA. 
Colar de ossos de peixe.
Mas Boipeba ainda tem mais surpresas. Andando pelas trilhas, descobri as lindas praias que tem no lugar: Cueira, Tassimirim e Moreré. Cada uma mais linda que a outra! O percurso de aproximadamente 6 km se faz em aproximadamente 4h com paradas para várias fotos!
Vou ficar devendo o nome desta praia!
Em Moreré conheci o Camping Verde, lugar onde é servido refeições deliciosas a um preço maravilhoso [paguei R$ 12,00 por um P.F.] e ainda, você pode descansar em uma espreguiçadeira depois do almoço. Adorei o lugar!
Área do Camping Verde em Moreré. OoOO descanso bom!
De volta, também caminhando, passei pela beirada da praia e fechei a tarde com um harmonioso por do sol na Boca da Barra.
Por do Sol na Boca da Barra.
Eu amei Boipeba!